2 de fevereiro de 2011

Lilypad

Esse projeto não é muito novo, mas diante do calor que tem feito esses dias, achamos legal publicar.

Se o calor continuar aumentando ano a ano, e todos nós continuarmos deixando pra lá, a melhor solução realmente será Lilypad, a cidade flutuante criada pelo arquiteto belga Vicent Callebault.

Inspirada na Vitória Regia, Lilypad é um protótipo de uma cidade anfíbia autossuficiente capaz de acomodar 50.000 habitantes, encorajando a biodiversidade ao desenvolver fauna e flora ao redor de uma lagoa central de água de chuva tratada. Com emissão zero de carbono, produz energia solar, térmica, fotovoltaica, eólica, hidráulica, osmótica e tem uma central de energia das marés.  Além de reciclar tudo o que produz.

Além de três marinas a cidade  possui três “morros” que se destinam respectivamente pra trabalho, lojas e diversão.

As habitações ficam em jardins suspensos com um desenho orgânico que permite uma convivência harmoniosa entre homem e natureza.

Mas esperamos que todos sejamos mais conscientes, a fim de cuidar do meio ambiente agora para evitar medidas emergenciais no futuro.


Um comentário:

  1. Legal. E com três morros, já vem com lugar pra favela e tudo! :-)

    ResponderExcluir